Tutorial em facebook.com/dearshieldmaiden ainda hoje! #viking #vikings #lagertha #shieldmaiden

Tutorial em facebook.com/dearshieldmaiden ainda hoje! #viking #vikings #lagertha #shieldmaiden

Eu sei que mais cedo ou mais tarde você vai cansar de tudo, não vai mais aguentar a pessoa difícil que eu sou e vai embora. Desculpe por crer tanto em suas promessas, mas elas parecem tão firmes quando saem da sua boca, que eu caio como uma boba e acredito mesmo que é isso que você queira, eu até acredito que você estaria disposto a arriscar o mundo por mim. Eu não estou cobrando, mas é assim que eu me sinto, eu sinto que acreditei demais em você, em cada palavra do que você disse e tornei todas elas o meu motivo de continuar lutando pela minha vida, e agora, eu estou caindo ao perceber que você não arriscaria tudo por mim, que muitas promessas você disse apenas da boca pra fora, porque não sabia como me acalmar. Eu sei que você vai embora, todo mundo uma hora vai, porque você seria diferente? Porque você escolheria lutar por mim quando nem eu luto? Eu sei que você vai embora, não vai mais querer lutar por um sorriso que nem sabe mais se vai surgir, pra que lutar por uma alma perdida? Eu sei que você vai embora, vai ir viver sua vida que pode ter muito mais do que tem, você vai procurar tudo aquilo que eu não te dou e achar sem muita demora, porque vai chegar a conclusão de que eu sou um nada no meio disso tudo. Eu sei, por mais que me doa eu sei que você vai embora. Eu quero ir embora, ainda mais se você for. Ah, mas se você for embora, eu vou embora também, mas vou para tão longe que não poderei ser encontrada, eu vou, sem volta, pensando se um dia você vai lembrar do meu sorriso. Ah, eu vou embora, eu vou embora pra sempre, porque eu preciso ir, mas lembra, por favor lembra disso: Eu sempre fui sua, e sempre tive orgulho disso. Só você me amou, dentre todas as pessoas que eu conheço, só você me amou, e eu fui embora sabendo que eu fui amada, pelo menos uma vez, pelo menos por uma pessoa, uma pessoa que mudou tudo.

Eu sei que mais cedo ou mais tarde você vai cansar de tudo, não vai mais aguentar a pessoa difícil que eu sou e vai embora. Desculpe por crer tanto em suas promessas, mas elas parecem tão firmes quando saem da sua boca, que eu caio como uma boba e acredito mesmo que é isso que você queira, eu até acredito que você estaria disposto a arriscar o mundo por mim. Eu não estou cobrando, mas é assim que eu me sinto, eu sinto que acreditei demais em você, em cada palavra do que você disse e tornei todas elas o meu motivo de continuar lutando pela minha vida, e agora, eu estou caindo ao perceber que você não arriscaria tudo por mim, que muitas promessas você disse apenas da boca pra fora, porque não sabia como me acalmar. Eu sei que você vai embora, todo mundo uma hora vai, porque você seria diferente? Porque você escolheria lutar por mim quando nem eu luto? Eu sei que você vai embora, não vai mais querer lutar por um sorriso que nem sabe mais se vai surgir, pra que lutar por uma alma perdida? Eu sei que você vai embora, vai ir viver sua vida que pode ter muito mais do que tem, você vai procurar tudo aquilo que eu não te dou e achar sem muita demora, porque vai chegar a conclusão de que eu sou um nada no meio disso tudo. Eu sei, por mais que me doa eu sei que você vai embora. Eu quero ir embora, ainda mais se você for. Ah, mas se você for embora, eu vou embora também, mas vou para tão longe que não poderei ser encontrada, eu vou, sem volta, pensando se um dia você vai lembrar do meu sorriso. Ah, eu vou embora, eu vou embora pra sempre, porque eu preciso ir, mas lembra, por favor lembra disso: Eu sempre fui sua, e sempre tive orgulho disso. Só você me amou, dentre todas as pessoas que eu conheço, só você me amou, e eu fui embora sabendo que eu fui amada, pelo menos uma vez, pelo menos por uma pessoa, uma pessoa que mudou tudo.

Eu sou sozinha. Eu sempre fui sozinha. Até quando eu serei assim, sozinha?Eu realmente não me lembro de um amigo de infância, um amigo mesmo, que tenha brincado comigo ou feito arte e bagunça como vejo os meus primos fazendo, não sei se eu tive alguém assim. Na escola sempre foi um inferno, eu era uma boa aluna, até demais, mas em questão de amizade, eu sempre me esforcei o máximo pra ter sequer uma amiga, mas nunca durou muito, eu nunca tive nenhum atrativo para aquelas meninas. Eu tive sim, duas amigas fora da escola, não sei se amigas é o termo certo, ou “colegas demais”, mas eu era feliz com elas, pena que durou pouco, hoje em dia não existe vínculo algum, a não ser que eu vá atrás, e acho, que se elas quisessem a minha presença, elas podiam muito bem me ligar de vez em quando. E depois da escola, também não tive amigas, sério, eu não fiz amigas nesse tempo. Porra, eu fui e eu sou tão sozinha. Eu não tenho ninguém pra ligar quando preciso desabafar, não tenho ninguém pra ligar quando algo realmente bom acontece comigo, eu não tenho ninguém que me ligue pra saber como eu estou… Ah, eu passei a vida inteira com medo da solidão, me esforçando pra ser boa o suficiente pra alguém, mas eu nunca tive ninguém em hora alguma, eu sempre fui sozinha.

Eu sou sozinha. Eu sempre fui sozinha. Até quando eu serei assim, sozinha?

Eu realmente não me lembro de um amigo de infância, um amigo mesmo, que tenha brincado comigo ou feito arte e bagunça como vejo os meus primos fazendo, não sei se eu tive alguém assim. Na escola sempre foi um inferno, eu era uma boa aluna, até demais, mas em questão de amizade, eu sempre me esforcei o máximo pra ter sequer uma amiga, mas nunca durou muito, eu nunca tive nenhum atrativo para aquelas meninas. Eu tive sim, duas amigas fora da escola, não sei se amigas é o termo certo, ou “colegas demais”, mas eu era feliz com elas, pena que durou pouco, hoje em dia não existe vínculo algum, a não ser que eu vá atrás, e acho, que se elas quisessem a minha presença, elas podiam muito bem me ligar de vez em quando. E depois da escola, também não tive amigas, sério, eu não fiz amigas nesse tempo. Porra, eu fui e eu sou tão sozinha. Eu não tenho ninguém pra ligar quando preciso desabafar, não tenho ninguém pra ligar quando algo realmente bom acontece comigo, eu não tenho ninguém que me ligue pra saber como eu estou… Ah, eu passei a vida inteira com medo da solidão, me esforçando pra ser boa o suficiente pra alguém, mas eu nunca tive ninguém em hora alguma, eu sempre fui sozinha.

bonec1revoltad1meig1 asked:
segue ? sdv ><

Me dê um motivo :3


Olha eu aqui, mais uma madrugada, escrevendo sobre você mesmo depois de dizer a mim mesma que eu não deveria mais fazer isso, por motivos que eu nem sei quais são, mas eu tenho certeza que estão ligados ao meu orgulho. Eu sei que na situação que estamos eu não posso exigir nada de você, mas pra mim, falta algo. Acho que estou com medo das consequências que as brigas e acontecimentos causaram, estou com medo de perder você, sério. E mesmo estando bem contigo, eu tenho medo de isso não durar. Porra, sou tão medrosa quando se trata de você, um menino, com carinha de bebê, safado, distraído, me deixou assim, medrosa. Eu sinto que não posso mais te falar certas coisas, eu sei que você me corta porque não quer que a gente brigue, mas, eu sinto que falta algo, que não posso mais te falar tudo que eu sinto, não posso mais expressar, não posso mais ser transparente pra você. Sinto, que quem está comandando agora é você. Logo eu, que sempre gostei de ter tudo do meu jeito, me submetendo a isso, mas é porque eu te amo, é eu te amo. Mas, sabe, falta algo. Falta eu poder dizer o que penso, o que sinto. Falta meu medo ir embora.

Olha eu aqui, mais uma madrugada, escrevendo sobre você mesmo depois de dizer a mim mesma que eu não deveria mais fazer isso, por motivos que eu nem sei quais são, mas eu tenho certeza que estão ligados ao meu orgulho. Eu sei que na situação que estamos eu não posso exigir nada de você, mas pra mim, falta algo. Acho que estou com medo das consequências que as brigas e acontecimentos causaram, estou com medo de perder você, sério. E mesmo estando bem contigo, eu tenho medo de isso não durar. Porra, sou tão medrosa quando se trata de você, um menino, com carinha de bebê, safado, distraído, me deixou assim, medrosa. Eu sinto que não posso mais te falar certas coisas, eu sei que você me corta porque não quer que a gente brigue, mas, eu sinto que falta algo, que não posso mais te falar tudo que eu sinto, não posso mais expressar, não posso mais ser transparente pra você. Sinto, que quem está comandando agora é você. Logo eu, que sempre gostei de ter tudo do meu jeito, me submetendo a isso, mas é porque eu te amo, é eu te amo. Mas, sabe, falta algo. Falta eu poder dizer o que penso, o que sinto. Falta meu medo ir embora.

Nós estamos na chuva, correndo pelo centro da cidade, procurando um lugar pra se esconder. A gente acha um lugar aqui e outro ali, mas é por pouco tempo, porque quando encontramos esse lugar de paz, logo o teto cai sobre a gente e voltamos pra chuva de novo, isso quando a gente resolve sair do nada, nem sei porque a gente volta pra chuva. O centro da cidade está cheio, está lotado, todo mundo procurando um lugar pra se esconder da chuva, mas parece que estamos nos molhando mais do que as pessoas a nossa volta, porque a chuva nos atinge tanto? Algumas pessoas não foram atingidas por nem um pingo sequer e eu sinto que estamos encharcados, e ficamos a cada momento mais. Eu não lembro quando e nem onde perdemos o nosso guarda-chuva, mas eu lembro de como era quando as tempestades não nos atingiam, e quando a felicidade era plena, a gente ficava ali em baixo, se gabando por viver em paz, e olha agora, essa tempestade parece querer nos afogar, sua mão já escorregou da minha tantas vezes. E agora, parece que estamos sempre nessa chuva fria, as vezes você solta a minha mão e a gente não sabe mais como segurar uma mão na outra, essa chuva é escorregadia, ela não deixa a gente se segurar um no outro por muito tempo. Pensei em te abraçar, assim, ficaríamos mais seguros e mais quantes, mas quando eu fui te abraçar você ignorou o meu abraço, você estava preocupado com pessoas que estão quase secas. Eu realmente precisava de um abraço seu, mas tudo bem, eu espero a sua vontade. Conseguimos nos segurar, nossas mãos se entrelaçaram firmemente, mas foi por pouco tempo. Quando achamos um lugar pra se esconder, o teto caiu novamente sobre as nossas cabeças, me machucou tanto, e parece que mecheu com você também, seus olhos não brilham mais quando olham pra mim, antes, eles eram como o sol, mas agora, parece que está chovendo dentro de você também. Você nunca mais me disse que eu estou bonita, essa chuva está acabando comigo assim? Você nunca mais sorriu bobo, como se eu fosse a mulher mais bonita o mundo. MALDITA CHUVA! ELA ESTÁ TE TIRANDO DE MIM! Eu então notei, que se eu soltasse a sua mão, acharia um lugar pra me esconder dessa chuva, se eu corresse pra longe, a gente poderia sair dessa maldita chuva, mas eu não vou embora, eu prefiro a chuva com você, por mais que os pingos sejam tão fortes e parecem me cortar. Você me derrubou no chão! Porque? Eu não te fiz nada! Não adianta me tirar do chão e pedir desculpas, isso não vai fazer meus joelhos pararem de sangrar, a chuva parece tirar ainda mais sangue de mim, eu nunca te derrubei, eu nunca te machuquei. PORQUE VOCÊ ME MACHUCOU? Você costumava me pegar no colo e pular pelas poças d&#8217;àgua como se eu fosse derreter caso aquela água me atingisse, você não deixava nem sequer um pingo de chuva encostar em mim, e porque você me jogou no chão no meio dessa tempestade? O que eu te fiz? Você está com raiva de mim, como todo mundo ficou com raiva de mim? Você é só uma pessoa, que vai acabar me jogando no chão uma hora, e sair andando, sem que eu possa me levantar, e dessa vez, eu vou ficar na chuva, eu vou deixar que meu sangue escorra até que não reste mais nada, até que a chuva toma conta de mim e eu seja só mais uma que se deixou levar pela tempestade.

Daniela Serra

Nós estamos na chuva, correndo pelo centro da cidade, procurando um lugar pra se esconder. A gente acha um lugar aqui e outro ali, mas é por pouco tempo, porque quando encontramos esse lugar de paz, logo o teto cai sobre a gente e voltamos pra chuva de novo, isso quando a gente resolve sair do nada, nem sei porque a gente volta pra chuva. O centro da cidade está cheio, está lotado, todo mundo procurando um lugar pra se esconder da chuva, mas parece que estamos nos molhando mais do que as pessoas a nossa volta, porque a chuva nos atinge tanto? Algumas pessoas não foram atingidas por nem um pingo sequer e eu sinto que estamos encharcados, e ficamos a cada momento mais. Eu não lembro quando e nem onde perdemos o nosso guarda-chuva, mas eu lembro de como era quando as tempestades não nos atingiam, e quando a felicidade era plena, a gente ficava ali em baixo, se gabando por viver em paz, e olha agora, essa tempestade parece querer nos afogar, sua mão já escorregou da minha tantas vezes. E agora, parece que estamos sempre nessa chuva fria, as vezes você solta a minha mão e a gente não sabe mais como segurar uma mão na outra, essa chuva é escorregadia, ela não deixa a gente se segurar um no outro por muito tempo. Pensei em te abraçar, assim, ficaríamos mais seguros e mais quantes, mas quando eu fui te abraçar você ignorou o meu abraço, você estava preocupado com pessoas que estão quase secas. Eu realmente precisava de um abraço seu, mas tudo bem, eu espero a sua vontade. Conseguimos nos segurar, nossas mãos se entrelaçaram firmemente, mas foi por pouco tempo. Quando achamos um lugar pra se esconder, o teto caiu novamente sobre as nossas cabeças, me machucou tanto, e parece que mecheu com você também, seus olhos não brilham mais quando olham pra mim, antes, eles eram como o sol, mas agora, parece que está chovendo dentro de você também. Você nunca mais me disse que eu estou bonita, essa chuva está acabando comigo assim? Você nunca mais sorriu bobo, como se eu fosse a mulher mais bonita o mundo. MALDITA CHUVA! ELA ESTÁ TE TIRANDO DE MIM! Eu então notei, que se eu soltasse a sua mão, acharia um lugar pra me esconder dessa chuva, se eu corresse pra longe, a gente poderia sair dessa maldita chuva, mas eu não vou embora, eu prefiro a chuva com você, por mais que os pingos sejam tão fortes e parecem me cortar. Você me derrubou no chão! Porque? Eu não te fiz nada! Não adianta me tirar do chão e pedir desculpas, isso não vai fazer meus joelhos pararem de sangrar, a chuva parece tirar ainda mais sangue de mim, eu nunca te derrubei, eu nunca te machuquei. PORQUE VOCÊ ME MACHUCOU? Você costumava me pegar no colo e pular pelas poças d’àgua como se eu fosse derreter caso aquela água me atingisse, você não deixava nem sequer um pingo de chuva encostar em mim, e porque você me jogou no chão no meio dessa tempestade? O que eu te fiz? Você está com raiva de mim, como todo mundo ficou com raiva de mim? Você é só uma pessoa, que vai acabar me jogando no chão uma hora, e sair andando, sem que eu possa me levantar, e dessa vez, eu vou ficar na chuva, eu vou deixar que meu sangue escorra até que não reste mais nada, até que a chuva toma conta de mim e eu seja só mais uma que se deixou levar pela tempestade.

Daniela Serra

Se você está entendendo o que está acontecendo, por favor, me explique, eu preciso entender. Porque eu ainda sinto um clima pesado entre a gente mesmo depois de se reconciliar. Acho que estamos nos acabando. Será? Será que com cada briga a gente vai perdendo um pouco da ligação entre a gente até que tudo se separe? Ei, eu te sinto distante, mesmo quando você me abraça, mesmo quando seus olhos estão sobre mim. Eu não sinto mais o mesmo olhar, a mesma vontade. A gente se estressa com tão pouco, que nem dá pra entender, então, se você entende, me explica, por favor. Eu sei que eu devo estar errando em algo, que eu devo estar exagerando em algo, mas me fala o que é! E olha, se você quer saber, eu sinto falta de você, não sei explicar, mas eu sinto. Eu não sinto mais que você me dá atenção, sei lá, mas as vezes eu não me sinto realmente em primeiro plano na sua vida, quando você está em primeiro plano na minha, é impressão minha ou perdeu a graça pra você? Eu fico me perguntando, se você ainda se importa, se você realmente se importa com o que eu sinto, eu me pergunto todos os dias se você se importa com a minha vida, e eu me pergunto mais ainda se você se importaria em me perder, se você conseguiria ficar bem sem mim, se você sofreria com a minha ausência. Porque eu sei, que eu não aguentaria perder você, seria o fim do mundo pra mim. Eu jurei pra mim mesma, que eu não ia escrever mais, que eu ia parar de expor as coisas quando se trata de nós. Mas se não aqui, aonde mais? Com que amigo, se nenhum entende? Com quem? Então me explica meu amor, o que aconteceu com a gente, me explica o que viramos, e me conta, o que vamos ser daqui pra frente.

Se você está entendendo o que está acontecendo, por favor, me explique, eu preciso entender. Porque eu ainda sinto um clima pesado entre a gente mesmo depois de se reconciliar. Acho que estamos nos acabando. Será? Será que com cada briga a gente vai perdendo um pouco da ligação entre a gente até que tudo se separe? Ei, eu te sinto distante, mesmo quando você me abraça, mesmo quando seus olhos estão sobre mim. Eu não sinto mais o mesmo olhar, a mesma vontade. A gente se estressa com tão pouco, que nem dá pra entender, então, se você entende, me explica, por favor. Eu sei que eu devo estar errando em algo, que eu devo estar exagerando em algo, mas me fala o que é! E olha, se você quer saber, eu sinto falta de você, não sei explicar, mas eu sinto. Eu não sinto mais que você me dá atenção, sei lá, mas as vezes eu não me sinto realmente em primeiro plano na sua vida, quando você está em primeiro plano na minha, é impressão minha ou perdeu a graça pra você? Eu fico me perguntando, se você ainda se importa, se você realmente se importa com o que eu sinto, eu me pergunto todos os dias se você se importa com a minha vida, e eu me pergunto mais ainda se você se importaria em me perder, se você conseguiria ficar bem sem mim, se você sofreria com a minha ausência. Porque eu sei, que eu não aguentaria perder você, seria o fim do mundo pra mim. Eu jurei pra mim mesma, que eu não ia escrever mais, que eu ia parar de expor as coisas quando se trata de nós. Mas se não aqui, aonde mais? Com que amigo, se nenhum entende? Com quem? Então me explica meu amor, o que aconteceu com a gente, me explica o que viramos, e me conta, o que vamos ser daqui pra frente.


eubrutus:

Sempre acaba em foda!

Então, eu sou mandona, eu tento controlar as pessoas, eu me dou demais. Tudo bem, não é a primeira vez que eu passo dos limites, mas bem, não é por mal, eu me dou demais e espero que as pessoas façam o mesmo, que elas lutem ao meu lado pelos mesmos objetivos que eu. Na boa? Eu não sei mais no que me segurar, porque acho que se as pessoas podem quebrar promessas comigo, eu posso quebrar promessas com elas. Eu sou teimosa, fazer o que, não sei aceitar os nãos que a vida me dá, quando eu levo um não eu me rebelo, grito, chuto, faço birra, até que aquele não vire um sim, ou, até eu achar onde posso dizer não. Acho que isso tem haver com a minha carência excessiva, quando eu tenho algo, eu quero por inteiro, sem &#8220;mas&#8221;, sem &#8220;talvez&#8221;. Eu só quero ser deixada em paz, sabe? Quero poder ficar com a minha tristeza sem ninguém me mandando parar, quero minhas manias de perfeição, e toda aquela escuridão que eu sempre tive, não quero que me peçam e nem me façam parar, se não forem se sacrificar por mim também, porque não é fácil ficar guardando minha dor pra mim, ficar com vontade de acabar comigo mesma e me segurar por uma pessoa, ainda mais, estando tão só. Não quero que exija nada de mim, se você quer ser o que éramos antes, tudo bem, vamos ver quem se mata primeiro. 

Então, eu sou mandona, eu tento controlar as pessoas, eu me dou demais. Tudo bem, não é a primeira vez que eu passo dos limites, mas bem, não é por mal, eu me dou demais e espero que as pessoas façam o mesmo, que elas lutem ao meu lado pelos mesmos objetivos que eu. Na boa? Eu não sei mais no que me segurar, porque acho que se as pessoas podem quebrar promessas comigo, eu posso quebrar promessas com elas. Eu sou teimosa, fazer o que, não sei aceitar os nãos que a vida me dá, quando eu levo um não eu me rebelo, grito, chuto, faço birra, até que aquele não vire um sim, ou, até eu achar onde posso dizer não. Acho que isso tem haver com a minha carência excessiva, quando eu tenho algo, eu quero por inteiro, sem “mas”, sem “talvez”. Eu só quero ser deixada em paz, sabe? Quero poder ficar com a minha tristeza sem ninguém me mandando parar, quero minhas manias de perfeição, e toda aquela escuridão que eu sempre tive, não quero que me peçam e nem me façam parar, se não forem se sacrificar por mim também, porque não é fácil ficar guardando minha dor pra mim, ficar com vontade de acabar comigo mesma e me segurar por uma pessoa, ainda mais, estando tão só. Não quero que exija nada de mim, se você quer ser o que éramos antes, tudo bem, vamos ver quem se mata primeiro. 

"Eu percebi que eu não sou nada, além de sua.
— Dani Serra
Ainda não deu a hora, mas eu sou apressada, estou ansiosa, e tenho milhões de coisas na minha cabeça nesse momento, eu preciso escrever e quero fazer isso agora, até porque quando você ler isso, já vai ser mais de meia noite mesmo, então, já vai ser o nosso dia. Um ano, puta que pariu! Dá pra acreditar que estamos juntos a tanto tempo? Me diz, como você me aguentou? Eu não entendo, de verdade, eu sou um saco, nem eu me aguento mais. &#8220;A gente tem tudo pra durar um mês" Olha, pode tratar de repetir isso de novo, pra gente durar mais um ano, o que acha? Um só não, muito mais! Eu espero que esse seja o primeiro de muitos anos que vamos passar juntos, porque foi você que eu escolhi pra passar o resto da minha vida, pra casar comigo, construir uma vida ao meu lado, ser o pai dos meus filhos, envelhecer comigo&#8230; Ser tudo pra mim, pra sempre. Ah, tenho tanto pra te agradecer, você é perfeito, melhor do que o príncipe que eu sempre sonhei pra mim, nem mesmo minha imaginação fértil foi capaz de criar alguém tão perfeito quanto você, que tem exatamente tudo pra me deixar completamente feliz. Obrigado, por tudo, por ser meu melhor e único amigo, por cuidar de mim, melhor do que qualquer pessoa, por me fazer sentir melhor, por me fazer cuidar de mim, por me ajudar com meus malditos problemas, por viver por mim, como eu vivo por você, obrigado, de verdade, eu tenho certeza que jamais vou encontrar alguém que seja assim, e que eu ame assim, então, mesmo que você não goste que eu agradeça tanto, obrigado, meu amor. Eu nem faço ideia de como vou expressar tudo que eu estou sentindo ainda, se ficar confuso, me desculpe (Sim, te pedi desculpas, e nem adianta dizer pra eu parar de fazer isso, já que vai aguentar meus &#8220;obrigados&#8221; e minhas &#8220;desculpas&#8221; pra sempre).
A gente já passou por tanta coisa, nesse ano, não foi? Inveja, brigas, mal entendidos, e tantas coisas que nos assustaram, e até chegamos a pensar, em alguma dessas vezes que era o fim, mas essas pequenas coisas só serviram pra nos mostrar, que o que nós temos é maior que tudo, e é tão imenso esse sentimento e essa ligação toda, que nem nós mesmos sabemos quanto é que somos um do outro, só os Deuses mesmo pra saberem, e nos mostrar, dia após dia, que somos um do outro, até o fim de tudo. 
Quero que saiba, que não importa o que aconteça, eu vou estar contigo, e vou estar lutando ao seu lado, &#8220;eu e você conta o mundo" né? Mesmo com o meu ciúme, minha insegurança, meus problemas ou as minhas manias bestas, o que eu sinto por você é maior do que qualquer frescura, qualquer coisa que eu possa sentir ou medir. Eu já prometi pra você que eu vou tentar melhorar meu ciúmes, lembra? Mas desista, isso é impossível, e nesse um ano você já deve ter percebido e aceitado isso, até porque, eu tenho certeza que o seu ciúmes é tão grande e possessivo quanto o meu, então, estamos quites, né? Mas mesmo assim, desculpa pelos exageros. 
Ah amor, você me faz a pessoa mais feliz desse mundo, com cada gesto, cada palavra. Tu só me faz bem, e eu tenho certeza que sempre fará, até o fim do mundo, sempre será eu e você, cuidando e fazendo o outro feliz, não importa quantas vidas ainda teremos que viver, viveremos juntos, e cada vez mais felizes um com o outro, cada vez pertencendo mais um ao outro. 
Eu estou realmente ansiosa pra passar o resto da minha vida ao seu lado, morar contigo, casar com você, eu sei, que cada dia que passa mais perto estamos de tudo isso, e mais forças pra continuar eu tenho, porque eu sei que no final, tudo vai valer a pena, e será só eu e você, não é? Mesmo que pareça difícil agora, vai valer a pena, e eu vou me lembrar disso, quando deitar a cabeça no seu peito pra dormir, não só por uma noite, mas pelo resto de nossas vidas, até que essa acabe e nós partirmos pra outra, juntos.
Feliz um ano, meu menino, meu homem, meu amor, minha alma gêmea. Que venham mais mil vezes mil, e ainda mais, até o fim de tudo. Obrigado por ser meu, por me aguentar, me ouvir, me amar, me dar prazer e carinho, ser meu homem e meu menino, por me abraçar, me beijar, dormir comigo, por me fazer sorrir e rir, por me incentivar, por me pegar no colo, por me querer, por ter escolhido a mim, por sorrir pra mim, obrigado por existir&#8230; Obrigado por todas as coisas. E desculpa, pelo ciúme, pelos problemas, pela teimosia, as implicâncias, a mania de mandar, por não me sentir boa o suficiente, por não ser boa o suficiente, por querer apressar tudo entre nós, por te pressionar, por te obrigar a fazer coisas por mim, por te fazer carregar meus problemas nas costas, desculpa por pedir desculpas&#8230; Desculpa por todas as coisas.
 Eu amo você, acima de todas as coisas ♥

Ainda não deu a hora, mas eu sou apressada, estou ansiosa, e tenho milhões de coisas na minha cabeça nesse momento, eu preciso escrever e quero fazer isso agora, até porque quando você ler isso, já vai ser mais de meia noite mesmo, então, já vai ser o nosso dia. Um ano, puta que pariu! Dá pra acreditar que estamos juntos a tanto tempo? Me diz, como você me aguentou? Eu não entendo, de verdade, eu sou um saco, nem eu me aguento mais. “A gente tem tudo pra durar um mês" Olha, pode tratar de repetir isso de novo, pra gente durar mais um ano, o que acha? Um só não, muito mais! Eu espero que esse seja o primeiro de muitos anos que vamos passar juntos, porque foi você que eu escolhi pra passar o resto da minha vida, pra casar comigo, construir uma vida ao meu lado, ser o pai dos meus filhos, envelhecer comigo… Ser tudo pra mim, pra sempre. Ah, tenho tanto pra te agradecer, você é perfeito, melhor do que o príncipe que eu sempre sonhei pra mim, nem mesmo minha imaginação fértil foi capaz de criar alguém tão perfeito quanto você, que tem exatamente tudo pra me deixar completamente feliz. Obrigado, por tudo, por ser meu melhor e único amigo, por cuidar de mim, melhor do que qualquer pessoa, por me fazer sentir melhor, por me fazer cuidar de mim, por me ajudar com meus malditos problemas, por viver por mim, como eu vivo por você, obrigado, de verdade, eu tenho certeza que jamais vou encontrar alguém que seja assim, e que eu ame assim, então, mesmo que você não goste que eu agradeça tanto, obrigado, meu amor. Eu nem faço ideia de como vou expressar tudo que eu estou sentindo ainda, se ficar confuso, me desculpe (Sim, te pedi desculpas, e nem adianta dizer pra eu parar de fazer isso, já que vai aguentar meus “obrigados” e minhas “desculpas” pra sempre).

A gente já passou por tanta coisa, nesse ano, não foi? Inveja, brigas, mal entendidos, e tantas coisas que nos assustaram, e até chegamos a pensar, em alguma dessas vezes que era o fim, mas essas pequenas coisas só serviram pra nos mostrar, que o que nós temos é maior que tudo, e é tão imenso esse sentimento e essa ligação toda, que nem nós mesmos sabemos quanto é que somos um do outro, só os Deuses mesmo pra saberem, e nos mostrar, dia após dia, que somos um do outro, até o fim de tudo. 

Quero que saiba, que não importa o que aconteça, eu vou estar contigo, e vou estar lutando ao seu lado, “eu e você conta o mundo" né? Mesmo com o meu ciúme, minha insegurança, meus problemas ou as minhas manias bestas, o que eu sinto por você é maior do que qualquer frescura, qualquer coisa que eu possa sentir ou medir. Eu já prometi pra você que eu vou tentar melhorar meu ciúmes, lembra? Mas desista, isso é impossível, e nesse um ano você já deve ter percebido e aceitado isso, até porque, eu tenho certeza que o seu ciúmes é tão grande e possessivo quanto o meu, então, estamos quites, né? Mas mesmo assim, desculpa pelos exageros. 

Ah amor, você me faz a pessoa mais feliz desse mundo, com cada gesto, cada palavra. Tu só me faz bem, e eu tenho certeza que sempre fará, até o fim do mundo, sempre será eu e você, cuidando e fazendo o outro feliz, não importa quantas vidas ainda teremos que viver, viveremos juntos, e cada vez mais felizes um com o outro, cada vez pertencendo mais um ao outro. 

Eu estou realmente ansiosa pra passar o resto da minha vida ao seu lado, morar contigo, casar com você, eu sei, que cada dia que passa mais perto estamos de tudo isso, e mais forças pra continuar eu tenho, porque eu sei que no final, tudo vai valer a pena, e será só eu e você, não é? Mesmo que pareça difícil agora, vai valer a pena, e eu vou me lembrar disso, quando deitar a cabeça no seu peito pra dormir, não só por uma noite, mas pelo resto de nossas vidas, até que essa acabe e nós partirmos pra outra, juntos.

Feliz um ano, meu menino, meu homem, meu amor, minha alma gêmea. Que venham mais mil vezes mil, e ainda mais, até o fim de tudo. Obrigado por ser meu, por me aguentar, me ouvir, me amar, me dar prazer e carinho, ser meu homem e meu menino, por me abraçar, me beijar, dormir comigo, por me fazer sorrir e rir, por me incentivar, por me pegar no colo, por me querer, por ter escolhido a mim, por sorrir pra mim, obrigado por existir… Obrigado por todas as coisas. E desculpa, pelo ciúme, pelos problemas, pela teimosia, as implicâncias, a mania de mandar, por não me sentir boa o suficiente, por não ser boa o suficiente, por querer apressar tudo entre nós, por te pressionar, por te obrigar a fazer coisas por mim, por te fazer carregar meus problemas nas costas, desculpa por pedir desculpas… Desculpa por todas as coisas.

 Eu amo você, acima de todas as coisas ♥

Eu tenho coisas guardadas em mim, coisas que eu jamais vou contar a ninguém, até porque, sinto vergonha da maior parte do que guardo pra mim. Como posso ser assim? Sou tão boba e insegura. Eu não gosto de mim, deve ser isso, deve ser essa minha negatividade toda que me faz ser assim. Pequenas coisas me abalam tanto, e eu nem deveria ficar abalada, pelo menos, eu acho que não. Sinto ciúmes, e isso me irrita, me faz chorar, me faz sentir um nada. Eu tenho ciúmes do que eu nem deveria ter, ciúmes que eu jamais vou revelar, eu só espero que esse ciúmes não me detone, como todas as dores que me detonam com o passar do tempo. Eu tenho raiva, por pequenas coisas, eu fico com uma raiva incontrolável que me faz chorar, como se tudo tivesse acabado. Porque eu choro tanto assim? Porque eu sou tão idiota? 
Mulheres tem necessidades, mas não necessidades diferentes dos homens, mulheres querem sempre ter certeza de que elas são as únicas, sempre, você entende isso? Mulheres querem ser tudo. Mulheres querem que você a trate como ela te trata. Mulheres querem casar. Mulheres querem filhos. Mulheres querem te tirar do mundo, e viver em um mundo em que só exista vocês dois. Mulheres são ciumentas, e tem ciúmes até de quem diz que não tem. Mulheres&#8230; Eu não deveria exagerar, já que estou falando de mim. Sou uma mulher idiota. Não, eu ainda não sou uma mulher, sou uma menina, uma menina insegura, ciumenta e cheia de problemas. Sou uma menininha idiota.

Eu tenho coisas guardadas em mim, coisas que eu jamais vou contar a ninguém, até porque, sinto vergonha da maior parte do que guardo pra mim. Como posso ser assim? Sou tão boba e insegura. Eu não gosto de mim, deve ser isso, deve ser essa minha negatividade toda que me faz ser assim. Pequenas coisas me abalam tanto, e eu nem deveria ficar abalada, pelo menos, eu acho que não. Sinto ciúmes, e isso me irrita, me faz chorar, me faz sentir um nada. Eu tenho ciúmes do que eu nem deveria ter, ciúmes que eu jamais vou revelar, eu só espero que esse ciúmes não me detone, como todas as dores que me detonam com o passar do tempo. Eu tenho raiva, por pequenas coisas, eu fico com uma raiva incontrolável que me faz chorar, como se tudo tivesse acabado. Porque eu choro tanto assim? Porque eu sou tão idiota? 

Mulheres tem necessidades, mas não necessidades diferentes dos homens, mulheres querem sempre ter certeza de que elas são as únicas, sempre, você entende isso? Mulheres querem ser tudo. Mulheres querem que você a trate como ela te trata. Mulheres querem casar. Mulheres querem filhos. Mulheres querem te tirar do mundo, e viver em um mundo em que só exista vocês dois. Mulheres são ciumentas, e tem ciúmes até de quem diz que não tem. Mulheres… Eu não deveria exagerar, já que estou falando de mim. Sou uma mulher idiota. Não, eu ainda não sou uma mulher, sou uma menina, uma menina insegura, ciumenta e cheia de problemas. Sou uma menininha idiota.

molequeadolescente asked:
CLICA NO MEU TUMBLR E VOTA EXCELENTE QUE EU SIGO VCC (RESPONDE PRIVADO)

Não tenho empolgação pra deixar moleque famosinho não ;)


"E se eu morrer? Imagina como seria, você me mandar sms sabendo que jamais seriam respondidos, me ligar sempre sabendo que ia cair na caixa postal, iria me procurar nas redes sociais, sabendo que nunca mais estaria online, iria levantar pra ir atrás de mim com lágrimas nos olhos sabendo que jamais vou estar ali, imagine o mundo sem mim, e me diga, faria alguma diferença pra você?
Pedro Jobim. (via intimidadedegarota)

(Source: tornou-insano)

Eu preciso deitar a cabeça no seu peito, receber o teu abraço, e ficar por um longo tempo assim, em silêncio. Eu preciso ouvir sua voz dizendo coisas que me fazem rir, coisas que me fazem sorrir, coisas que me fazem arrepiar, que me fazem flutuar. Eu preciso de um abraço teu, um abraço bem longo e forte, pra eu me sentir pequena, protegida, e acima de tudo, sua. Eu preciso sentir seu cheiro, pra me sentir em casa, sentir que eu tenho alguém. Por favor, vem me dizer que eu não estou sozinha, vem me dizer que não vai desistir de mim, porque eu sou uma idiota, porque eu faço centenas de coisas erradas, e por favor, não desista de mim só porque eu desisti. Eu preciso ficar longe do mundo com você, sentir seu corpo colado no meu, cada centímetro dele. Preciso te olhar nos olhos e dizer tudo o que eu sinto, tudo o que tem me passado. Eu preciso sentar no seu colo, e ficar abraçada com você, sentir seu carinho e chorar tudo que está preso dentro de mim. Eu preciso fugir com você, morar com você, casar com você, ter filhos com você, passar a vida toda com você, morrer com você&#8230; Eu preciso de você, cada segundo do meu dia.
beware of the witch

Eu preciso deitar a cabeça no seu peito, receber o teu abraço, e ficar por um longo tempo assim, em silêncio. Eu preciso ouvir sua voz dizendo coisas que me fazem rir, coisas que me fazem sorrir, coisas que me fazem arrepiar, que me fazem flutuar. Eu preciso de um abraço teu, um abraço bem longo e forte, pra eu me sentir pequena, protegida, e acima de tudo, sua. Eu preciso sentir seu cheiro, pra me sentir em casa, sentir que eu tenho alguém. Por favor, vem me dizer que eu não estou sozinha, vem me dizer que não vai desistir de mim, porque eu sou uma idiota, porque eu faço centenas de coisas erradas, e por favor, não desista de mim só porque eu desisti. Eu preciso ficar longe do mundo com você, sentir seu corpo colado no meu, cada centímetro dele. Preciso te olhar nos olhos e dizer tudo o que eu sinto, tudo o que tem me passado. Eu preciso sentar no seu colo, e ficar abraçada com você, sentir seu carinho e chorar tudo que está preso dentro de mim. Eu preciso fugir com você, morar com você, casar com você, ter filhos com você, passar a vida toda com você, morrer com você… Eu preciso de você, cada segundo do meu dia.

beware of the witch